Roberto Pitio brilha, Real vence Taguatinga e garante vagas na quartas de final

Foto: Mayara Alves/Distrito do Esporte

Por João Marcelo

Enquanto uma precisava pontuar para encaminhar a classificação, a outra pensava em se livrar de vez da chance de rebaixamento, essa era o enredo de Real x Taguatinga no estádio Mané Garrincha. Mandante da partida, o Leão do Planalto demonstrou mais intensidade em busca do resultado e foi preciso na conquista dos três pontos. Com isso, a classificação fica bem próxima do Real e o Taguatinga de olhos abertos para manter-se na primeira divisão.

A pressão realense começou logo cedo para cima do Taguatinga. Logo aos 9 minutos de jogo, o estreante Kaio Nunes rouba a bola do lateral Amaral, invade a área e chuta cruzado, mas o goleiro Diogo estava atento e faz uma belíssima defesa. Um minuto depois, mais ataque azulino. Felipe Cirne dá lindo passe para Kaio Nunes chutar cruzado e Diogo, mais uma vez, defende. A procura ao primeiro gol não parava e Cirne limpa dois, chuta forte e a bola passa raspando a trave da Águia.

A equipe de Paulo Pereira continuava firme no ataque e aos 29 minutos foi premiada com gol. Bola alçada na área e após o bate-rebate, Roberto Pítio aproveitou e empurrou para o fundo das redes do Taguatinga. O Leão do Planalto não teve nem muito tempo para comemorar, o zagueiro Hyago sentiu e teve que dar lugar à Wesley. O Real terminou o primeiro tempo tomando conta da partida e mais próximo do segundo gol do que o Taguatinga do empate.

Na volta para o segundo tempo, mais Real. Andrei Alba recebeu na entrada da área e chutou forte, Diogo espalmou para a lateral, Kaio Nunes conseguiu recuperar e chutou novamente, o arqueiro do Taguatinga salvou mais uma vez, jogando para escanteio. No lance seguinte, mais um gol do Real. Eduardo cabeceia, Diogo defende e na sobra, ele novamente, Pítio completa para o fundo das redes da Águia de Taguatinga.

Precisando de pontos para se livrar de vez do rebaixamento, o TEC foi, enfim, ao ataque. Sandro cobrou falta com extrema violência e a bola explodiu no travessão, assustando Léo Rodrigues. Controlando o resultado durante boa parte do segundo tempo, o Real venceu mais uma, a quarta em oito jogos na competição. Fim de partida no Mané Garrincha e felicidade para os 124 torcedores presentes.

Chegando a quarta vitória na competição, o Real termina a oitava rodada com 16 pontos e momentaneamente na terceira colocação. O Leão poderá garantir, matematicamente, a classificação já na próxima rodada. Pelo lado de Taguatinga, a Águia estaciona com os 6 pontos e fica a 5 da zona de rebaixamento. Na nona rodada, o Real jogará novamente no Mané Garrincha, desta vez contra o Capital e como visitante às 11h de domingo. O TEC enfrenta o Paracatu no Serejão, sábado às 10h. 





ESTÁDIO MANÉ GARRINCHA, BRASÍLIA (DF)
12 DE MARÇO DE 2019 - 8ª RODADA
PÚBLICO: 124 PRESENTES - RENDA: R$ 610,00

REAL 2
Escalação: Léo Rodrigues; Caíque, Hyago (Wesley), Eduardo, China; Graxa, Andrei Alba (Rangel), Robinho, Felipe Cirne; Kaio Nunes e Roberto Pítio (Lucas Amorim).
Técnico: Paulo Pereira

TAGUATINGA 0
Escalação: Diogo; Amaral, Índio, Sandro, Renato; Alex Piauí (Didão), Thompson (Kelvin), Rodrigo Menezes, Jhonatan; Marquinhos Paracatu e Jô Baiano (Jean).
Técnico: Ricardo Antônio

Postar um comentário

1 Comentários

Comente a notícia