Sintomas iminentes: logo após goleada, Santa Maria demite treinador

Foto: Divulgação/Santa Maria

Por Danilo Queiroz e João Marcelo

Logo após a tempestade, a diretoria do Santa Maria já começa a tentar reorganizar o terreno visando uma recuperação no Campeonato Candango. Após ser goleada pelo Real por 4 a 1, a Águia demitiu so treinador Luiz Henrique ainda no vestiário do estádio Mané Garrincha. A informação foi dada inicialmente pela Esportes Brasília e confirmada pela reportagem do Distrito do Esporte.

À frente do Santinha desde o início do Candangão, Luiz Henrique deixa o clube sem nenhuma vitória no torneio local. Em cinco jogos, foram quatro derrotas e apenas um empate, culminando em apenas um ponto conquistado. Com a péssima campanha, a Águia está na 11ª posição na tabela ocupando a zona de rebaixamento da competição.

Conforme divulgado pela EB, o técnico Marquinhos Carioca é a primeira opção de Erivaldo Alves, presidente do Santa Maria, para a continuidade no torneio local. Porém, em contato com reportagem do Distrito do Esporte, o treinador não confirmou que está acertado com o clube e disse que, no momento, está apenas "negociando a transferência".

Caso acerte com o time grená, Marquinhos interromperá o trabalho que vinha tocando à frente do Legião. No comando da equipe do rock, o treinador disputou a Segunda Divisão do Campeonato Candango em 2018, quando caiu nas semifinais perdendo o acesso, e a Copa São Paulo de Futebol Júnior, onde avançou até a segunda fase torneio.

A possível troca no comando técnico do Santa Maria entre os dois treinadores é uma das maiores provas das voltas que o mundo do futebol dá. Durante o Campeonato Candango de 2018, Marquinhos Carioca pediu demissão do Bolamense, que estava na zona de rebaixamenteo, e foi substituído por Luiz Henrique, que acabou salvando a Onça Pintada da queda. O desafio, agora, pode se inverter.

Esta, portanto, será a segunda troca de treinador no Santa Maria. Durante os primeiros dias de pré-temporada, o time grená havia anunciado Eduardo Vieira como nome principal da comissão técnica. Entretanto, dias depois a Águia voltou colocou Vieira como auxiliar e acertou com Luiz Henrique para a disputa do Candangão.

Postar um comentário

0 Comentários