De olho no rival: com atleta ex-Gama, CRB elogia Brasiliense e tem bom início no ano

Foto: Douglas Araújo/CRB

Por Danilo Queiroz

Na próxima quarta-feira (13/2), o Brasiliense tem um dos jogos mais importantes e decisivos na atual temporada. Em confronto válido pela Copa do Brasil, o Jacaré enfrentará o CRB, de Alagoas, precisando de um resultado positivo para avançar para a próxima fase da competição nacional. Qualquer outro resultado que não seja um triunfo amarelo dá a vaga para o time alagoano.

Visando o importante duelo em busca de sobrevida na Copa do Brasil, o Distrito do Esporte resolveu dar uma força para a comissão técnica do Jacaré e destrinchou o início de temporada do CRB. Por trás do adversário do Jacaré, tem jogadores com passagem por grandes clubes do país, um técnico que conhece bem a Boca do Jacaré e um ótimo início no campeonato estadual.

Até o momento, o CRB já entrou em campo sete vezes (quatro pelo Campeonato Alagoano e três pela Copa do Nordeste). O time alagoano ainda não sabe o que é perder na temporada. Com 10 pontos no estadual, o rival do Jacaré venceu três e empatou uma. Já pela competição regional, foram três empates. Ao todo, o time vermelho marcou oito gols e sofreu quatro.

Além da importância esportiva, a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil também tem um viés financeiro. Se avançar, o Brasiliense garantirá R$ 625 mil, valor pago aos clubes do grupo III da cota de premiação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O classificado do confronto dessa quarta-feira espera pelo vencedor de Sergipe ou Goiás, que entram em campo na mesma data.

Em quem ficar de olho

Foto: Divulgação/CRB

Apesar de contar com nomes conhecidos como William Barbio, ex-Vasco, e Danilinho, ex-Atlético-MG, o Galo tem outros nomes como artilheiros no ano. Com três gols cada, o volante Mateus Silva e o atacante Victor Rangel são os principais goleadores do time. O atacante Zé Carlos e Barbio também balançaram as redes no ano. O volante Ferrugem, ex-Gama e Jacaré, também está no elenco.

À frente do elenco, o CRB conta com um técnico que já teve duas passagens pelo Brasiliense. Roberto Fernandes foi o comandante amarelo entre 2006 e 2007 e na temporada de 2010. Nos primeiros jogos, o time-base do Galo foi Edson Mardden; Júnior, Wellington Carvalho, Edson e Guilherme; Claudinei, Ferrugem, Mateus Silva e Danilinho; Hugo Sanches e Zé Carlos.

O CRB chega em Brasilia nesta terça (12/2), “Toda estreia é difícil, mas estamos preparados. É importante fazer um jogo sem erros. Vamos enfrentar uma equipe com jogadores acostumados com competições importantes. Eles têm atletas experientes como Lúcio, Morais e Reinaldo. Precisamos anular as principais jogadas para sairmos com um resultado que nos dê a vaga na próxima fase", analisou o volante Claudinei.

Já para William Barbio, o time alagoano não vai entrar em campo pensando na vantagem de empatar o jogo. "Com derrota estamos fora. Então, vamos buscar a classificação. Vimos times grandes como Corinthians e Vasco passando dificuldades. Sabemos que o Brasiliense é uma equipe que tem nome no futebol e grandes jogadores que já jogaram em times de alto nível", frisou o jogador.

Postar um comentário

0 Comentários