Feliz Candangão 2019! Veja como está a preparação dos clubes para o torneio local

Faltando 26 dias para o início da competição, clubes se preparam para o Candangão
Arte: Danilo Queiroz/Distrito do Esporte

Por Danilo Queiroz

O ano de 2019 já começou! Com isso, as equipes que irão disputar a próxima edição do Campeonato Candango começam contagem regressiva para a estreia no torneio. Faltando 26 dias para o pontapé inicial do Candangão 2019 - a rodada inaugural do torneio local está agendada para 26 de janeiro -, o Distrito do Esporte trás o andamento da preparação das doze equipes que irão brigar pela taça de campeão local.

Até o momento, apenas quatro não iniciaram os trabalhos de pré-temporada. Já os demais estão com os treinamentos a todo vapor. Além dos treinos físicos e técnicos, praxe nesta etapa de preparação, as equipes do futebol local estão investindo em amistosos para testar e aprimorar o entrosamento entre os jogadores dos elencos. Nos bastidores, a corrida pela liberação dos estádios, mais uma vez, aparece como principal desafio antes do início do Candangão.

Confira como está a preparação dos times locais:


Bolamense - Assim como em 2018, o clube afro-brasileiro ainda é a maior incógnita para do Campeonato Candango. Até o momento, o único nome confirmado é o do técnico Paulo César Alencar. A reapresentação estava prevista para acontecer depois do Natal, mas, até o momento, ainda não há novidades. A estreia no Candangão será contra o Gama, em 26 de janeiro, no estádio Bezerrão.

Brasiliense - Treinando desde 19 de novembro, o Brasiliense está com o elenco completo e se prepara para entrar na fase final da preparação para o Campeonato Candango. Até o momento, o Jacaré disputou e venceu quatro jogos-treino contra sub-20 Vila Nova, seleção da PCDF, sub-20 Legião e Brasília. O time amarelo ainda tem mais dois agendados para o início de 2019 contra Grêmio Anápolis e Goianésia.

Capital - Também com o elenco completo, a Coruja segue firme na preparação para o Campeonato Candango. Sendo um dos mais adiantados no planejamento, o time celeste já disputou dois amistosos contra times de menor proporção. Outros, com equipes mais qualificadas, acontecem em janeiro. O primeiro adversário será o Grêmio Anápolis, no segundo fim de semana do mês. Fora de campo, o principal reforço foi Marcelinho Carioca como diretor institucional do clube.

Ceilândia - Após iniciar os trabalhos em 19 de dezembro, o alvinegro se prepara para realizar o primeiro amistoso com o intuito de testar o time que disputará o Campeonato Candango. No próximo sábado (5/1), o Gato Preto enfrentará a Aparecidense em jogo-treino. Ainda no mercado, o Ceilândia deve anunciar novos reforços para o torneio local.

Formosa - Com apresentação marcada para quarta-feira (2/1), o Tsunami do Cerrado começará a ter o elenco desvendado. Até o momento, a única certeza é que Heli Carlos será o comandando da equipe verde durante o Candangão. Novos detalhes devem ser anunciados pela diretoria do time nos próximos dias.

Gama - Campeão candango pela última vez em 2015, o alviverde candango já iniciou a preparação para disputar a temporada 2019 do torneio local. Visando adquirir calendário para a próxima temporada, o Periquito trouxe nomes de destaque, como o zagueiro Emerson, o atacante Nunes e o volante Tiago Gaúcho, para brigar no topo da tabela. O time empatou um amistoso contra o Grêmio Anápolis no último dia do ano.

Luziânia - Mantendo nomes que obtiveram destaque nas últimas temporadas com a camisa azul, a Igrejinha espera surpreender e faturar seu terceiro título do Campeonato Candango. Treinando desde a última semana sob o comando do técnico Luís Carlos Sousa, o elenco do Luziânia deve receber novas peças antes do início do torneio local.

Paracatu - Uma das primeiras equipes a iniciar a preparação para a disputa do Campeonato Candango, a Águia mineira aposta no planejamento para ir longe no torneio. Os treinamentos seguem a todo vapor, e o Paracatu já realizou dois amistosos de preparação (venceu ambos). Nos próximos dias, o time do técnico Joel Corneli deverá ter outro jogo-treino contra o URT.

Real - O Leão do Planalto é outro time que aposta na organização prévia para brigar com força pelo título do Campeonato Candango. Treinando desde o final do mês de novembro, o time auri-anil qualificou o elenco com nomes como Andrei Alba, Filipe Cirne e Nelisson. O técnico será Paulo Pereira. O Real já disputou três jogos-treino e saiu vencedor de todos eles.

Santa Maria - A Águia ainda é um mistério para o Candangão. Segundo rumores, a apresentação do time estaria agendada para a próxima quinta-feira (3/1). Porém, em contato com pessoas ligadas ao clube, o Distrito do Esporte não conseguiu confirmar a informação. A expectativa é que os segredos que envolvem o Santa Maria sejam desvendados na retomada dos trabalhos. Ainda há incerteza sobre quem irá dirigir o time na temporada. Danilo Fiuza esteve próximo, mas a negociação não foi concretizada.

Sobradinho - Antes de apresentar os detalhes, o Leão da Serra busca segurança. Por isso, o clube optou por não divulgar nenhuma possibilidade de negociação antes de o contrato estar devidamente assinado. Recentemente, o Distrito do Esporte destrinchou a situação dos jogadores da base do título de 2018. Nos próximos dias, o alvinegro deverá se reapresentar e começar a anunciar seu elenco para a defesa do título do Candangão.

Taguatinga - Após iniciar os treinos visando o Campeonato Candango na última semana e fechar com patrocinador, a Águia se prepara para anunciar as novidades relacionadas ao elenco para seus torcedores. Nos próximos dias, o clube começará a divulgar os nomes que irão vestir a camisa azul no retorno do TEC ao Candangão depois de 19 anos ausente. O evento de apresentação oficial da equipe está marcado para acontecer em 7 de janeiro.

Estádios - A 26 dias do pontapé inicial para o torneio local, a Federação de Futebol do Distrito Federal (FFDF) tem um desafio pela frente. Depois de avaliar as estruturas dos estádios que irão receber os jogos da competição, a entidade começa a reunir forças para a obtenção dos laudos de segurança para liberar os locais. De acordo com apuração do jornalista Marcos Paulo Lima, do Correio Braziliense, apenas o Serra do Lago e o Frei Norberto possuem os documentos em dia.

Postar um comentário

0 Comentários