Time de Brasília perdeu para os paulistas por 101 a 73
Foto: Twitter/Universo

A noite de sexta-feira (02/11) foi de mais lamentação para o Universo/Caixa/Brasília no Novo Basquete Brasil (NBB). Em partida disputada no Ginásio da ASCEB, a franquia brasiliense foi derrotada por 101 a 73 para o Sesi/Franca Basquete e chegou, literalente, no fundo do poço. Com o revés, o time da capital federal está momentaneamente na lanterna da principal competição da modalidade no país.
O grande destaque do Franca na partida foi o pivô Cipolini. Com um duplo-duplo de 21 pontos e 11 rebotes, o jogador francano chamou a responsabilidade e foi o principal pontuador do Franca no jogo. Pelo Brasília, o experiente armador Nezinho teve uma atuação de gala. Com 30 pontos e oito bolas de três (8/14, 57.1 % de aproveitamento), o armador foi o protagonista da equipe candanga no jogo e de quebra alcançou o posto de cestinha da partida.

A partida começou quente, com o Franco no comando das ações ofensivas. Com grande atuação do norte-americano David Jackson, com nove pontos na primeira parcial, a equipe francana abriu vantagem e foi para o segundo quarto na frente (30 a 14). No segundo período o panorama não mudou, e com bom aproveitamento nos chutes tentados (19/40, 47.5% de aproveitamento), o time comandado por Helinho conseguiu ir para os vestiários à frente no placar (49 a 32).

Na volta dos vestiários o Universo/Caixa/Brasília bem que tentou esboçar uma reação, principalmente com a grande atuação do ala/armador norte-americano Zach Graham (oito pontos na terceira parcial). O Franca conseguiu segurar as ações ofensivas do time comandado por André Germano e, após linda bola de 3 do pivô Cipolini, ampliou a vantagem e foi para a parcial final à frente no resultado (74 a 50).

No último quarto, o Franca não teve muitas dificuldades para emplacar mais uma vitória e assumir a liderança do NBB. O time comandado por Helinho conseguiu replicar a atuação dos últimos períodos, comandou o jogo e alcançou seu quinto triunfo na competição. Com o triunfo, a equipe francana agora detém campanha de cinco vitórias em seis jogos e, desta forma, passou o EC Pinheiros e assumiu a liderança da competição.

Agora, o técnico André Germano terá 12 dias para catar os cacos do péssimo início na competição nacional e tentar reestruturar o time em busca de uma arrancada no NBB. O Universo/Caixa/Brasília voltará à quadra em 14 de novembro, uma quarta-feira, diante do Botafogo, novamente no Ginásio da ASCEB. A partida diante do alvinegro carioca está agendada para 21h e será transmitida pelo Facebook oficial do torneio.