Após empate, as minas superam Vitória-BA nos pênaltis e ficam com a taça da Série A2.
Foto: João Marcelo/Distrito do Esporte

Por João Marcelo

A tarde desta quinta-feira (12/07) foi de extrema felicidade em Ceilândia, mais precisamente no estádio Maria Abadia, o Abadião. O cenário era propício: estádio lotado, muito barulho que vinham das arquibancadas e a confiança nas alturas. Não era para menos, afinal, as "minas" do Minas ICESP estavam na final da Série A2 do Campeonato Brasileiro e com o acesso garantido! O adversário na decisão era o Vitória-BA, que carregava o status de único invicto da competição. Emoções, sustos e um final de encher o coração de todo brasiliense de orgulho.

As "minas" levantam a taça de campeã da Série A2 do Campeonato Brasileiro
Reprodução: Instagram Distrito do Esporte

A partida começou aberta, com chances para os dois lados. O Vitória perdeu uma oportunidade clara de gol, causando apreensão na torcida brasiliense que fazia uma bela festa. As chances começar a aparecer do lado brasiliense com Bia e Vitória, mas não o suficiente para abrir o placar. Os times foram para o vestiário com o resultado de 0 a 0, o que levaria à penalidades.

A volta trazia um resumo do primeiro tempo, porém, com a equipe brasiliense mais incisiva e as leoas recuadas. A pressão não surtiu efeito e fez com que a equipe baiana crescesse em campo, levando perigo à meta de Kris. Em um lance, Rochelline recebeu uma boa bola, cortou para dentro da área, chutou e a bola desviou na zaga do Minas ICESP, quando o placar parecia finalmente ser aberto, Kris faz uma incrível defesa e tira a bola com a ponta da luva, milagre no Abadião. Fim do tempo regulamentar e penalidades.

Com as penalidades veio o maior momento de apreensão da partida, o clima era de nervosismo no lotado Abadião. As três penalidades iniciais de ambas equipes foram concluídas, na quarta cobrança do Minas, Vitória perdeu. Bárbara do Vitória-BA também desperdiçou, Minas concluiu sua quinta e última cobrança, e deixou o título nas luvas de Kris. A goleira do Minas ICESP não decepcionou e defendeu o pênalti, deixando o estádio em êxtase e o Distrito Federal com um título nacional em 2018.

Baixe o pôster das campeãs da Série A2

Kris era só emoção no término da partida e concedeu algumas palavras para o Distrito do Esporte. "O título foi a cereja do bolo, o acesso era nosso objetivo e essa vitória de hoje veio para coroar todo o trabalho que vínhamos fazendo", disse a heroína das penalidades. A goleira ainda lembrou que o título pode trazer benefícios para o futebol feminino do Distrito Federal. "Espero que os olhos se voltem para Brasília, nós temos muito talento e todas as atletas são daqui. Que os patrocinadores nos ajudem a manter as atletas dentro de casa para que possamos fazer uma boa competição na série A1 ano que vem", finalizou Kris.

Kris pegou o pênalti decisivo e deixou a taça no Distrito Federal.
Foto: Carlos Teixeira/Agência EB 

Para Victória, a partida com um final feliz vale como visibilidade. "Essa vitória representa muito para o futebol de Brasília, outros lugares vão olhar para a gente para ver esse trabalho que estamos fazendo, tudo aqui é muito sério e muito digno", falou a camisa 10 do Minas ICESP. A meia ainda falou sobre o tão importante título. "O título mostra que todo o trabalho foi bem feito, o nosso planejamento era estar aqui hoje e conseguimos isso. Só não olha para a gente quem não quer!", disse a feliz campeã.

Victória mostra feliz o troféu e a medalha de campeã da Série A2 do Campeonato Brasileiro.
Foto: João Marcelo/Distrito do Esporte

A campanha das "minas" foi incrível com oito vitórias, três empates e apenas uma derrota. As jogadoras balançaram 30 vezes as redes do adversário e sofreram 11 tentos, contando a fase preliminar. Que final feliz, que vitória gigante do Minas ICESP! A equipe do Distrito do Esporte deseja todo o sucesso para as "minas" e torce para que a equipe repita todo o trabalho bem feito nesse ano na Série A1 do Campeonato Brasileiro do ano que vem. Respeita as minas!