Dois times, uma vaga: Formosa e Santa Maria disputam classificação à semifinal

Por João Marcelo

No primeiro confronto, um empate sem gols. Resultado que deixaria a partida com as mesmas chances para os dois clubes se não fosse o regulamento da competição. A equipe com melhor campanha garante o direito de jogar por dois resultados iguais e quem joga com o regulamento é o Formosa. O time goiano fez um bela campanha, era o único com 100% de aproveitamento até a última partida na fase de grupos, onde perdeu justamente para o seu adversário das quartas, o Santa Maria.

A equipe goiana fazia uma campanha irretocável na competição com quatro jogos e quatro vitórias até perder o quinto jogo, contra a Igrejinha. O resultado adverso fez a equipe perder a invencibilidade e a melhor colocação geral, sendo ultrapassado pelo Legião. A segunda colocação geral rendeu o Santa Maria como adversário e no primeiro embate entre as duas equipes um zero a zero. O placar não foi alterado graças a um pênalti perdido pelo seu adversário e que manteve o Formosa com a vantagem.

Pelo lado brasiliense do confronto, o centroavante Mateus Alves fez questão de falar do equilíbrio do primeiro confronto: "O time deles é muito bem organizado taticamente com defesa e meio campo bem entrosados, o que tornou o jogo bem difícil para nossa equipe. Eles têm ótimos fundamentos, por isso tivemos que tomar cuidados. Com isso, as duas equipes buscaram a vitória e o empate foi um resultado justo.", concluiu Mateus.

O jovem jogador ainda falou sobre a partida de amanhã: "Agora é foco total na partida de volta, espero muito que nossa equipe consiga colocar o que vem sido trabalhado em prática. Nós vamos encontrar uma grande equipe como adversária, o que é excelente para nós. Com dedicação ao máximo, vamos conseguir voltar para casa com a classificação. Não estou dizendo que será fácil, mas estamos nos preparando há meses para isso. Nossas vidas estão em jogo e o objetivo é muito grande.", finalizou o confiante jogador do Santa Maria.

O sorridente centroavante do Santa Maria é confiante na classificação.
Foto: Arquivo Pessoal/Mateus Alves


O seu treinador, Vandinho, falou ao Distrito do Esporte sobre o primeiro jogo: "O desempenho da equipe no jogo de ida foi muito bom, se comportou bem, dentro do planejado e com excelente variação tática. Tanto que por pouco não saímos com a vitória, infelizmente, perdemos um pênalti. Mas isso acontece e o importante é que terminou zero a zero, decidimos em Formosa no domingo." finalizou o comandante do time.



O técnico espera que o clube mantenha a cabeça no lugar e seja produtivo. "Espero que a equipe faça tudo o que foi trabalhado nessa semana para que chegue lá e funcione. Torço para que os garotos estejam inspirados e que tenham mentalizado tudo o que a gente passou, afinal de contas precisamos só de uma bola e um a zero nós passamos. O certo é que não vamos até Formosa empatar, vamos buscar o gol o tempo todo, usar a velocidade, o esquema que vem desde o início e  poder passar para a semifinal", conclui Vandinho.


A partida decisiva que levará um clube à semifinal será no domingo (8) às 15:30 no estádio Diogão, em Formosa (GO). O mandante tem a vantagem de jogar pelo empate, já o Santinha precisa da vitória por qualquer placar para continuar vivo na competição e manter o sonho de ir à Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2019. E para você torcedor, quem passa: Formosa ou Santa Maria?

*A equipe sub19 do Formosa não retornou aos contatos com o Distrito do Esporte e por isso só publicamos as palavras do técnico Vandinho e do jogador Mateus Alves, ambos do Santa Maria.

Postar um comentário

0 Comentários