Com ginásio lotado e torcida animada, Centro-Oeste de Jiu-Jitsu recebe grandes nomes

Público compareceu em peso ao evento e prestigiou grandes nomes da modalidade competindo

 Foto: Revista Tatame Bruto

Por Simone Monteiro

No último domingo (22/07), Brasília recebeu o Centro-Oeste Brasileiro de Jiu-Jitsu GI-NOGI, que reuniu 1.100 atletas da capital e de outros estados do país. O evento foi dividido em três categorias: GI (com kimono), NOGI (sem kimono) e Absoluto, a categoria mais esperada da competição, que envolvia as faixas preta, marrom, roxa e azul. O torneio foi realizado no ginásio da Candangolândia e contou com diversos atletas e admiradores do esporte. Organizado pelo lutador Luiz Danúbio, o campeonato recebeu elogios dos atletas, que classificaram o evento como diferenciado e de alto nível.

A equipe do Distrito do Esporte acompanhou o evento e conversou com alguns atletas e incentivadores do esporte em Brasília. Presença ilustre no torneio, o lutador de MMA Paulo Thiago ressaltou sua felicidade ao ver ginásio lotado. Para ele, são desses campeonatos que saem novos atletas para a modalidade. "Porque é  dos campeonatos que a gente vai vendo os talentos se revelando, a gente precisa desse incentivo, as competições e aos eventos esportivos  ", afirmou o lutador, que é nascido no Distrito Federal e pretende disputar uma vaga na Câmara Legislativa no próximo pleito eleitoral.

Com quase 40 anos dedicados ao jiu-jitsu, Mestre Juquinha realiza trabalhos sociais em Brasília embasados na modalidade há 22 anos. Acreditando que o esporte pode salvar vidas através da disciplina, dedicação e inclusão social, o professor cita que qualquer um pode ser tornar um grande atleta, desde que tenha as características que ele julga como primordiais para qualquer lutador." O esporte é saúde, educação, disciplina, inclusão social,segurança publica, ,o esporte é tudo, tirar a criança da rua e colocar no mundo do esporte,isso não tem preço,não tem valor "

O deputado distrital Júlio Cesar (PRB-DF) também esteve no Centro-Oeste de Jiu-jitsu para acompanhar as lutas. Além de elogiar a estrutura e organização do evento, o ex-Secretário de Esporte do DF destacou a importância da prática esportiva na formação de cidadãos. “O esporte é um elemento transformador na vida das pessoas”, ressaltou o político, que deve sair como candidato a deputado federal nas eleições gerais de outubro.

Evento com participação feminina 


Não foram apenas os homens que se destacaram no Centro-Oeste Brasileiro de Jiu-jitsu GI-NOGI. Com presença significativa, as mulheres também mostraram seu poder na modalidade. A lutadora Florencia Deguer Abib venceu as duas lutas que participou na categoria GI ( com kimono), faturando a medalha de ouro e o lugar mais alto no pódio. "O Jiu-jitsu feminino tem crescido cada vez mais. Várias melhorias vem acontecendo e com isso o número de mulheres se interessam pelo esporte”, analisou.

A lutadora Camila Fonseca também colheu bons resultados no evento e elogiou o nível da organização e dos atletas participantes. " O campeonato está sendo bem organizado, mostra que a equipe está bem preparada e os atletas estão com um alto nível ", considerou a atleta, que chegou a pensar em desistir do esporte devido às dificuldades encontradas, de acordo com o seu treinador Wellington Torres " Camila após um evento há um ano atrás ,ficou desanimada com sua performance, mas o jiu-jitsu é isso, cair,levantar e começar de novo ".
Florencia venceu duas adversárias e sagrou-se campeã
Foto: Distrito do Esporte

Profissionais incentivadores ao esporte

Além dos atletas, muitas figuras incentivadoras do Jiu-jitsu no Distrito Federal também compareceram ao Centro-Oeste Brasileiro de Jiu-jitsu GI-NOGI. Conhecido por realizar diversos projetos sociais em Brasília, o professor Rogério Oliveira  afirmou que o evento cumpriu todas as suas expectativas." Os eventos do Danúbio são sempre cheios, graças a Deus , já era esperado".

O organizador do evento, Luiz Danúbio, também comemorou os resultados alcançados no campeonato, destacando o crescimento da modalidade esportiva.“ Jiu-jitsu é o esporte que mais cresce no mundo, trazer o Centro Oeste Brasileiro com a nossa organização para a cidade de Brasília, é acreditar na modalidade, acreditar no esporte " pontuou.

O organizador do evento, Luiz Danúbio, ficou satisfeito com o sucesso do evento
Foto: Revista Tatame Bruto


O torcedor brasiliense que admira o jiu-jitsu precisará esperar até setembro para ver o esporte novamente na capital federal. O próximo evento da modalidade na cidade é o Brasília International Pro Jiu-jitsu Championship 2018, que acontecerá entre os dias 15 e 16 de setembro, no Ginásio do Cruzeiro. As inscrições poderão ser feitas diretamente no site oficial da UAEJJF. O 1º lote estará liberado até às 23h59 de 31 de agosto. Já a segunda leva de inscrições ficará disponível até às 17h de 7 de setembro.

Postar um comentário

0 Comentários