Aílton Ferraz rescinde contrato e deixa o comando do Brasiliense

Aílton deixou o cargo após pouco menos de cinco meses como treinador do Brasiliense
Por Danilo Queiroz

O técnico Aílton Ferraz não está mais no comando técnico do Brasiliense. Ferraz chegou ao clube de Taguatinga em 16 de fevereiro e rescindiu o contrato com o Jacaré na manhã desta quinta-feira (05/07) após pouco menos de cinco meses no cargo. A saída do técnico foi confirmada por sua assessoria ao Distrito do Esporte.

O treinador carioca, que acumulou passagens por Tupi, Cabofriense, Volta Redonda, Duque de Caxias, Resende, América e Audax Rio, foi contratado logo após a eliminação do Jacaré na Copa Verde, com derrota para o Atlético Itapemirim. O tropeço na competição nacional fez com que Rafael Toledo deixasse o cargo que seria ocupado por Aílton na sequência da temporada.

O primeiro jogo do técnico no comando do Brasiliense foi duas dias após sua chegada, na vitória sobre o Paranoá por 3 a 0, em jogo válido pelo Campeonato Candango. Ao todo, Aílton Ferraz comandou o Brasiliense da beira do gramado em 23 jogos, com 13 vitórias, cinco empates e cinco derrotas.

A passagem do técnico pelo Jacaré ficou marcada pelo segundo lugar no Campeonato Candango - o Brasiliense perdeu o bicampeonato local ao ser superado pelo Sobradinho na grande final - e pela queda precoce nas oitavas de final da Série D do Campenato Brasileiro, maior objetivo do Jacaré na atual temporada, quando o time foi eliminado nos pênaltis para o Campinense.

Postar um comentário

0 Comentários