Platini brilha e Sobradinho vence o Real em jogo de seis gols


No encontro de Leões nas quartas de final do Campeonato Candango de 2018, o da Serra rugiu mais alto que o do Planalto. No estádio Bezerrão, o Sobradinho venceu o Real por 4x2 e deu um salto gigantesco na briga pela vaga nas semifinais do torneio. O destaque da partida foi o atacante Michel Platini, que marcou três gol.

A primeira bola na rede saiu logo aos cinco minutos de jogo em uma infelicidade do zagueiro Vitor Hugo. Luan fez lançamento na área e a zaga do Real tentou afastar, mas a bola bateu nas costas do arqueiro auri-anil e foi morrer no fundo das redes, sem chances de defesa para o goleiro Rafael Dida.

Os minutos finais de partida foram marcados por uma sequência de duas penalidades máximas, uma para cada lado. O primeiro foi aos 41 minutos para os visitantes: Murilo deslocou Igor dentro da grande área após cobrança de escanteio e o árbitro apontou para a marca do cal. Michel Platini bateu bem e aumentou a vantagem do Leão da Serra.

Aos 43, foi a vez do Real ter um pênalti ao seu favor. Desta vez, Igor empurrou Vitor Hugo dentro da área e o árbitro não exitou ao marcar a falta para os donos da casa. Baiano foi o responsável por colocar a bola dentro da rede do goleiro Michael e dar esperanças para o Leão do Planalto Central na partida.

Porém, o segundo tempo serviu para concretizar a vantagem do Sobradinho no marcador. Aos 31 minutos, João Manoel fez ótimo cruzamento pela direita. A bola encontrou o artilheiro Michel Platini fazer o segundo dele e aumentar a vantagem dos visitantes: 3x1. 

Aos 41 minutos, o Real encostou mais uma vez no placar. E novamente em uma penalidade máxima. Após cobrança de falta na área do Sobradinho, Vitor Hugo "encontrou" os pés de Igor. Quando o zagueiro do Real caiu, o árbitro apontou para a marca do cal, causando indignação nos visitantes. Alheio a tudo isso, Baiano foi para a bola e fez o segundo dele no jogo.

Já nos acréscimos do segundo tempo, Michel Platini achou que ainda era tempo de se transformar em artilheiro do Candangão. Aos 46 minutos, o camisa nove do Sobradinho recebeu de Mirandinha para marcar o terceiro dele no jogo e dar números finais ao marcador do duelo: 4x2.

Com uma mão na vaga, será a vez do Sobradinho ser o anfitrião e receber o Real no estádio Agostinho Lima, na próxima quarta-feira. Com a vantagem de jogar por resultados iguais obtida na primeira fase do torneio, o Leão da Serra pode perder por até dois gols de diferença que ainda assim fica com a vaga para as semifinais do Candangão.

REAL 2

Rafael Dida; Murilo (Kaká) Vitor Hugo, Hyago, Brenner; Pedro Ayub, Kaio, Robinho, Baiano; Wandilson (Sena), Edu

Técnico: Suca

SOBRADINHO 4

Michael; Luan, Igor, Rambo, Dionatan; Baiano (Bocão), Dias, Geovane, Maranhão (João Manoel); Mirandinha, Michel Platini

Técnico: Victor Santana

Postar um comentário

0 Comentários