Conheça o estádio de Urucuia onde o Samambaia pretende mandar seus jogos no Candangão

Estádio Rutilhão, dentro do Complexo da Vila Olímpica de Urucuia




Após a indefinição da liberação do estádio Rorizão, o Samambaia manifestou o desejo de mandar suas partidas do Campeonato Candango no estádio da Vila Olímpica de Urucuia (MG), cidade mineira localizada a cerca de 300 km do Distrito Federal. 


Conhecido como Rutilhão, a arena que o Cobra Cipó pretende mandar seus jogos tem capacidade para cerca de 10.000 espectadores. Dentro do complexo da Vila Olímpica, existem ainda uma escola de esportes (academia, artes maciais, xadrez, dança e outros) e pistas oficiais de atletismo.



O clube, inclusive, realizou seu período de pré-temporada no local. O elenco do clube candango chegou a Urucuia em 1º de dezembro e utilizou os dispositivos da Vila Olímpica da cidade até 19 de janeiro.

Estádio liberado para jogos

Segundo a Prefeitura de Urucuia, o estádio Rutilhão está em plenas condições para receber as partidas do Samambaia no Campeonato Candango. De acordo com Adilson Silva Machado, diretor de departamento da Vila Olímpica de Urucuia, todos os laudos obrigatórios do local estão emitidos.

O diretor do complexo afirmou ainda que o prefeito da cidade, Rutilio Eugênio Cavalcanti Filho, manifestou interesse em receber os jogos do Cobra Cipó. “Conversei com o prefeito de Urucuia e ele falou que aceita tranquilamente. Estamos de braços abertos para receber o Samambaia", frisou.

Samambaia ratifica vontade de ir a Minas

Incomodado com a demora para a regularização do estádio Rorizão, Neimar Frota, presidente do Samambaia, confirmou que o clube mandará a partida contra o Brasiliense, no sábado, às 17h, em Urucuia (MG). "Já está tudo certo com a prefeitura da cidade e o jogo contra o Brasiliense, e possivelmente os demais do campeonato, serão na Vila Olímpica. O governo de Brasília não tem compromisso o futebol", esbravejou.

O presidente Cobra Cipó, inclusive, já definiu o preço dos ingressos para a partida: R$ 10 para as arquibancadas e R$ 20 para o setor coberto. "Não vou ficar até os 49 minutos do segundo tempo esperando laudo. O estatuto do torcedor é claro: dez dias antes o estádio precisa ter condição. Já vou começar as vendas", anunciou o mandatário.

A Federação de Futebol do Distrito Federal estava reunida na tarde de segunda-feira para confirmar o local da partida. Porém, até o fechamento desta matéria, não havia confirmação oficial de onde Samambaia e Brasiliense estão jogar. O site da FFDF continua apontando o jogo para o Rorizão.